Home Alto Desempenho A importância do Analista Tático Individual no futebol de hoje

A importância do Analista Tático Individual no futebol de hoje

No futebol de alto rendimento de hoje, cada vez se passa menos tempo em campo. As comissões técnicas dispõem de menos tempo e sessões de treino entre as partidas, visto que a frequência entre os jogos, tendo em conta a participação em diferentes competições, é cada vez mais elevada.

Isso faz com que o foco do trabalho durante as sessões de treinamento seja amplamente baseado no desenvolvimento / aprimoramento do Modelo de Jogo da própria equipe, e em aspectos a serem combatidos pela equipe rival. Por isso, aspectos como o desenvolvimento individual do jogador não são trabalhados direta e intencionalmente durante o treinamento diário da equipe.

Por isso surge a figura do analista tático individual. Esta figura está focada em trabalhar os aspectos mais “micro” do jogador, fazendo um trabalho complementar e valorizando diferentes conteúdos / fundamentos individuais do mesmo.

– O primeiro aspecto a destacar é a melhora obtida pelo jogador no autoconhecimento. Ao realizar um trabalho mais personalizado, permitirá ao jogador saber quais os comportamentos que deve potencializar, quais os que deve melhorar e o que deve evitar.

– O segundo aspecto é a melhoria nos critérios de decisão obtidos pelo jogador. Quando um trabalho é realizado por meio de fundamentos individuais, os critérios de seleção e percepção obtidos quanto às ações a serem realizadas durante uma partida são mais produtivos, obtendo-se um maior percentual de ações eficazes e eficientes.

– O terceiro e último ponto é o aumento da potência prospectiva obtida pelo jogador, ampliando a criatividade e a variedade de recursos. O jogador terá uma maior capacidade de analisar os diferentes elementos do jogo e, portanto, saberá resolver as ações de uma forma diferente sem mecanizar determinados comportamentos.

Por fim, na MBP School of Coaches acreditamos no trabalho complementar para o aperfeiçoamento individual do jogador, sempre de forma coordenada com a comissão técnica da equipe e sem sair do microciclo do planejamento ou da ideia de jogo do treinador.

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter

Ask for more information

Descargar ebook

Descargar ebook

Descargar ebook